A LEI DE AMOR



O amor é um sentimento sublime que
Se desenvolve e cresce com a moralidade e a inteligência e, embora oprimido muitas vezes pelo egoísmo, torna-se a fonte de santas e doces virtudes que constituem as afeições sinceras e duráveis e vos ajudam a transpor o caminho escarpado e árido da existência humana[1].
Isso significa que a prática do sincero amor, tal como Deus nos ensina, requer generosas ações em nosso cotidiano, de modo que possamos num passo a passo, aprender a amar todas as pessoas indistintamente, pois são nossos irmãos e nossas irmãs.
Por Ana Maria Louzada

[1] Fénelon. (Bordeaux, 1861) In: ESE, p.225, Capítulo XI, amar ao próximo como a si mesmo



E-books Grátis
Você deseja receber Gratuitamente, o E-Book?

Você também pode gostar de ler...
 
 Realizamos Palestras!
Conheça o nosso Trabalho Clicando Aqui.




Comentários

Postagens mais visitadas

BEM-AVENTURADOS OS QUE SÃO MISERICORDIOSOS

PACIÊNCIA

PENSAMENTO E VIBRAÇÃO

PENSAMENTO, PALAVRA E AÇÃO